Connect with us

Artes Marciais

A 30 dias para retornar ao UFC, Vitor Miranda curte a chegada de um novo filho

“Meu adversário não vai tirar o leite das minhas crianças”. Com essa frase o lutador joinvilense Vitor Miranda deixa claro o tamanho da motivação para o combate contra o norte-americano Julian Marquez, marcado para dia 16 de dezembro, no Canadá, durante o UFC Winnipeg. A luta vale pela categoria peso-médio, até 84 quilos. A 30 dias do desafio, Miranda diz estar 100% focado no adversário, poucas semanas após o seu casamento e de descobrir que será pai outra vez.

No final de outubro, em Joinville, Vitor renovou os votos com a empresária Paula Miranda, com quem vive há 15 anos. Na mesma época o casal anunciou a chegada de um irmão para a pequena Nina, de cinco anos. Tanta novidade aumentou exponencialmente a motivação do atleta. “Sentimos que é um menino, mas não estamos ansiosos para saber o sexo. Será muito cuidado e amado de qualquer forma. Essa notícia me deu uma injeção de ânimo muito grande, pois é uma felicidade enorme que vem acompanhada de uma responsabilidade”, afirma.

Sobre a luta, Miranda garante ter os movimentos de Marquez – novato de 27 anos no UFC – mentalizados e o trabalho nestes últimos 30 dias será intensificado de acordo com as características do rival. “Faltando um mês para a luta eu foco nos movimentos e modalidades que irei desempenhar com base nos pontos fortes e fracos do adversário.  A alimentação também muda. Começo a próxima fase da dieta, que é mais restrita e aumento bastante a ingestão de água. O norte-americano chegou ao UFC este ano após vencer um reality show comandado por Dana White, CEO da franquia.

Vitor Miranda vem de duas derrotas no UFC e retorna ao octógono após se recuperar de uma fratura no pé direito, sofrida na luta contra o italiano Marvin Vettori, em Oklahoma, no dia 24 de maio – a última vez em que lutou. Segundo ele, a característica do adversário do próximo mês é diferente do que enfrentou nos combates anteriores. “Ele gosta da luta em pé. Esse também é o meu ponto forte. OS outros lutadores tentaram me levar para o chão de todo jeito. Essa promete ser uma luta mais franca”, garante.

Serviço

O quê: UFC Winnipeg
Onde: Winnipeg, Canadá
Quando: 16 de dezembro de 2017
Como assistir: o canal Combate transmite todo o card ao vivo
Confira o card completo aqui

Deixe seu Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas notícias

Mais em Artes Marciais